Aprovado nome de Carolina Maria de Jesus para rua entre bolsão de estacionamento e RU

A Congregação do IEL, em sua 213ª Reunião ordinária, realizada no dia 16 de agosto, aprovou por unanimidade que a rua entre o bolsão de estacionamento e o restaurante Universitário - RU do Campus receba o nome da escritora Carolina Maria de Jesus, conforme pedido da Câmera Municipal de Campinas.

Carolina Maria de Jesus (1914-1977) nasceu no sudoeste de Minas Gerais, mas mudou-se para São Paulo na vida adulta. Com três filhos de relacionamentos diferentes e vivendo em uma situação de extrema pobreza, acabou se estabelecendo na favela do Canindé, zona norte paulista.  Carolina era catadora de papel, e tinha como costume ler tudo o que recolhia, enquanto mantinha um diário em escrevia sobre o seu dia a dia, registrando o cotidiano da comunidade onde morava, seu diário deu origem ao seu primeiro livro “Quarto de despejo: Diário de uma favelada”, com edição de Audálio Dantas. Audálio foi quem descobriu Carolina, ele era um repórter do jornal Folha da Noite, e em uma de suas reportagens conheceu Carolina Maria, e ao ser apresentado ao seu diário e a sua história, se encantou e resolveu publicar um trecho do texto, no qual recebeu vários elogios. 

Com tiragem de dez mil exemplares “Quarto do despejo” teve um grande sucesso de vendas, 600 livros vendidos somente na noite de autógrafos. Nos anos seguintes Carolina publica: “Casa de Alvenaria: Diário de uma ex-favelada” (1961), “Pedaços de fome” (1963) e “Provérbios” (1965), porém, apesar de ter um livro transformado em best-seller, ela não se beneficiou muito com o sucesso, e não demorou em voltar à sua condição de catadora de papel.

Em 1969, encontra-se praticamente esquecida pelo mercado editorial, e se muda com os filhos para um sitio no bairro Parelheiros, em São Paulo. Carolina Maria de Jesus faleceu aos 62 anos em São Paulo, no dia 13 de fevereiro de 1977, vitima de insuficiência respiratória.

 

A escritora brasileira durante noite de autógrafos do lançamento de seu livro "Quarto de Despejo", em uma livraria na rua Marconi, em São Paulo, em 1960

 

Confira outras fotos de Carolina Maria de Jesus