A designação da palavra preconceito em dicionários atuais

Carolina de Paula Machado

Resumo


Realizamos um estudo dos sentidos da palavra preconceito analisando suas designações a partir da teoria da Semântica do Acontecimento. Nosso corpus é constituído por definições desta palavra retiradas de alguns dicionários de grande circulação nos séculos XX e XXI. Consideramos, nesta perspectiva, que os sentidos se constituem no acontecimento enunciativo na relação com a história, o social e com o político. Tomamos o dicionário como lugar de observação entendendo-o como um instrumento de gramatização, situando-nos, com isso, no âmbito da História das Idéias Lingüísticas. Consideramos o dicionário como um observatório histórico e social que permite observarmos os sentidos da palavra preconceito na língua normatizada, e, em contrapartida, os sentidos que estão silenciados nele, mas que circulam na sociedade. Quanto à análise das definições lexicográficas observamos que elas não acompanham as discussões sobre o preconceito que têm como foco a exclusão social, incluindo tardiamente os sentidos relacionados a este tema.

Texto completo: PDF